***

Retrato

Eu sou o de ontem, o de hoje, o de agora
Eu sou este rosto, este corpo, este olhar profundo, este sorriso estrábico

Eu sou este coração que se revela, para quem amo
Eu não mudei, continuo o mesmo

A pergunta que faço é:

Onde você não mais me encontrou?