Augusto Cury

Jamais peça para alguém amá-lo. 
Jamais peça para alguém admirá-lo. 
Amor, admiração, bem como respeito, são construídos sem pressão, no solo insubstituível da liberdade. 
São frutos de imagens construídas nas janelas mais íntimas do inconsciente.