***

Dinheiro da Odebrecht para José Serra já está limpinho e cheiroso

Jornalista Fernando Brito lembra que Serra recebeu R$ 23 milhões da Odebrecht por meio do advogado Ronaldo Cesar Coelho, que agora “repatriou” o dinheiro sujo - que nem para o Brasil veio; "E está tudo tão bem que o advogado de Ronaldo não se constrange em contar o roteiro do dinheiro da empreiteira. Pode isso, não é, Ronaldo? A regra é clara: para o Ronaldo e para o Serra, pode"