Aécio, Mainard e a conexão Cingapura

O depoimento de Henrique Valladares, ex-vice-presidente da Odebrecht, no âmbito da Operação Lava Jato, tem uma série de implicações.

Em primeiro lugar, atinge Aécio Neves: de acordo com Valladares, o Mineirinho recebeu R$ 50 milhões da Odebrecht e da Andrade Gutierrez. A grana teria sido embolsada numa conta secreta em Cingapura (porque os tucanos são contra a corrupção no Brasil), em nome do empresário Alexandre Accioly.

Accioly, aliás, é personagem de outro ponto do depoimento. Valladares cita que o empresário participou de um jantar no restaurante Gero, no Rio de Janeiro, com o próprio Aécio Neves e o jornalista (segundo as definições de Sergio Moro) Diogo Mainardi.

O Conversa Afiada transcreve literalmente o que disse Valladares a esse respeito:

"Eu tinha ido para aquele restaurante, Gero, com a minha esposa para jantar. E estava lá (sic) Aécio Neves sentado com Accioly (aquele que era dono da BodyTech), quem mais... o cara... que faz o Manhatann Connection... Diogo Mainardi. Diogo Mainardi. Estavam esses reunidos, na mesma mesa."

Henrique Valladares falou, ainda, sobre uma reunião feita em 2008, quando o Mineirinhoera governador (sic) de Minas Gerais.

"Na despedida, o governador Aécio Neves disse a mim: 'Olha, Henrique, o Dimas Toledo, nosso amigo comum, vai lhe procurar'. Simplesmente isso. E se despediu de mim. E eu entrei no carro e o Marcelo disse que tinha acertado com o governador 50 milhões a serem pagos (...) 30 milhões por parte da Odebrecht e 20 milhões por parte da Andrade Gutierrez" (...) (Dimas) trazia para mim um pedaço de papel com indicação de nomes, empresas, com sede no exterior".

Os R$ 30 milhões foram pagos pela Odebrecht, segundo Valladares, em diversos repasses mensais, sempre nessas contas de terceiros indicados por Dimas Toledo.

Conversa Afiada não pode deixar de lembrar que Dimas Toledo era ninguém menos que o dono da chave do cofre de Furnas que servia para abastecer políticos.

O mesmo Dimas que jurava de pés juntos que a Lista de Furnas era falsa - com o sempre fiel auxílio do detrito sólido de maré baixa -, mas que foi desmascarado pelo lobista Nilton Monteiro.

Em tempo: quem mais levou grana da Lista de Furnas foi o Mineirinho. Lista de Furnas é aquela: o Dr Janot levou mais tempo para chegar a ela do que Moisés levou para atravessar o deserto.

Em tempo²: Mainardi é aquele que recebe depoimento na Lava Jato do Dr Moro em tempo real!

Em tempo³: é ou não é a República Federativa da Cloaca?

Saiba porque a quadrilha de Curitiba não aceitou a delação de Marcos Valério

Delação do empresário Marcos Valério é bombástica e atinge não apenas o senador Aécio Neves (PSDB-MG), como também o ex-presidente F...