Pular para o conteúdo principal

Bolsonaro e a Folha


Estava um lobo a beber água num ribeiro, quando avistou um cordeiro que também bebia da mesma água, um pouco mais abaixo. Mal viu o cordeiro, o lobo foi ter com ele de má cara, arreganhando os dentes.
— Como tens a ousadia de turvar a água onde eu estou a beber?
Respondeu o cordeiro humildemente:
— Eu estou a beber mais abaixo, por isso não te posso turvar a água.
— Ainda respondes, insolente! — retorquiu o lobo ainda mais colérico. — Já há seis meses o teu pai me fez o mesmo.
Respondeu o cordeiro:
— Nesse tempo, Senhor, ainda eu não era nascido, não tenho culpa.
— Sim, tens — replicou o lobo —, que estragaste todo o pasto do meu campo.
— Mas isso não pode ser — disse o cordeiro —, porque ainda não tenho dentes.
O lobo, sem mais uma palavra, saltou sobre ele e logo o degolou e comeu..
Moral da história: Depois de jogar sujo contra o democrático PT, tentar agora evitar ser comido por aquele que ajudou a eleger (Bolsonaro) mas a muito decidiu comê-lo?..
É pura perda de tempo! 
Mas os petistas, democratas e progressistas estarão na trincheira, defendendo tanto a liberdade de imprensa quanto a liberdade de expressão. 

Curta Comente Compartilhe Valorize os Anúncios dos patrocinadores

Comentários