Pular para o conteúdo principal

O ódio a Lula é o ódio a humanidade

Quando sairmos desse pesadelo, que tenhamos a delicadeza e a humildade de agradecer à maior instituição de todas, aquela que levou um imenso susto ao se ver corrompida por sujeitos interrompidos, cozidos nas próprias frustrações existenciais e cognitivas, humilhados pelo esplendor de inteligência e humanidade concentrados em um único metalúrgico, que viveu uma vida inteira para nos ensinar a todos o que é democracia - e que vai viver outra para reforçar a lição. O ódio a Lula é o ódio à humanidade. É por isso também que o antipetismo é sinônimo de fascismo - o que já está dado e reiterado pela história e pelos fatos do dia. Lula é isso. Ele não apenas restitui, com sua paciência e sua teimosia, o valor de verdade às narrativas forçadas que vinham sendo costuradas por gente que não merece ser chamada de gente, como também estabelece a força de uma palavra e de um conceito: a palavra 'verdade' volta a ter um sentido poderoso por ação de um sujeito, um sujeito que dedica a sua vida à produção de uma realidade que fosse mais generosa para todos os seus iguais e até para os 'diferentes' - pois este sujeito governou para todos quando pode governar...  
Gustavo Conde

Comentários