Pular para o conteúdo principal

As crianças que não morreram por mim

Mas que incrível
Não matei nenhum ser humano
Será porque não visto farda [ covardes]

Nunca vi um policial atirar a esmo onde a família dele mora
Que coincidência

Só atira na casa dos outros inocentes

isso é covardia!
Joel Neto

Comentários

Anônimo disse…
Desde 1983, quando um governador insano entregou o comando dos morros cariocas ao tráfico de drogas, grande parte da população do Rio, principalmente a mais pobre, tornou-se refém dos criminosos. Os traficantes do Rio de Janeiro adotam o mesmo procedimento covarde dos terroristas do Oriente Médio: infiltram-se entre a população civil e utilizam pessoas comuns como escudo. Acho não ser necessário dizer o nome deste governador insano nem da filha drogada que ele beneficiou e que se dizia artista!