Michê Teme, Traíra, Golpista, mentiroso e Ladrão

O Traíra ao Globo:

Ao fim da entrevista, soltou que, quando despacha na mesa presidencial e ela tem todos os assentos ocupados, sente-se como o imperador Carlos Magno.

— Eu me sinto aqui como Carlos Magno. Quando eu tinha 11 anos de idade, eu ganhei um livro chamado “Carlos Magno e os 12 cavaleiros da Távola Redonda” e eu li aquele livro e era assim: os doze cavaleiros”.

O Golpisto trocou de Rei.
Quem tinha a Távola Redonda era o Rei Artur, uma lenda.

Carlos Magno era um déspota, não dividia a mesa nem nada com ninguém e a ferro e fogo montou o Império católico Ocidental.

Deu nisso.

Um professor de Direito Constitucional que dá um Golpe.

E um pseudo intelectual que confunde reis.

E cuidado: o Rei Artur era corno.

PHA