***

23 milhões de reais para tucanahada é troco

O bandiqueiro Arnaldo César Coelho confessou que em 2010 recebeu 23 milhões de propina da Odebrecht em uma das suas contas na Suíça, para abastecer o cofre do emplumado e graúdo tucano José Serra, candidato a presidente derrotado pela Honesta Dilma Rousseff.

Beleza!

Mas, quê tal a gente retornar um pouco ao passado?

Vamos lá...

De 99 a 2002 o bandiqueiro, operador do tucanato movimentou mais de 197, 9 milhões de dólares via conta CC5, período do desgoverno FHC.

Essa roubalheira ficou conhecida como o escândalo do Banestado, foi investigada e julgada.

Nenhum dos ladrões foi preso ou devolveu hum centavo ao erário público.

Alberto Youssef era um dos doleiros que participou ativamente do esquema.

Dou um doce pra quem adivinhar quem foi o juiz desse processo.

Mora?

Moro!