Rir é o melhor remédio

Como sempre, desde que Cabral chegou ao Brasil, para ser mais exato, desde que criaram o podre poder judiciário e o ministério público no país essa corja togada vive de morojias e garantir impunidade aos seus colegas bicudos. Vê mais uma dessa quadrilha:

Procurador-Geral da República consegue arquivar mais uma denúncia contra Aécio tarja preta Neves
 "À época em que os fatos teriam ocorrido, a pena máxima cominada ao delito do art. 317 do Código Penal era de 8 (oito) anos de reclusão, à qual incide o prazo prescricional de 16 (dezesseis) anos, nos termos do art. 109, II, do Código Penal. Considerando que os fatos supostamente teriam ocorrido entre os anos de 1998 e 2000, encontra-se fulminada pela prescrição a pretensão punitiva estatal. Posto isso, determino o arquivamento destes autos", Fachin - ministro do STF