MP e judiciário querem continuar mamando e abusando da autoridade

Furar teto salarial e estar acima das leis, é o que o Deltan Dallagnol e seus pares no Ministério Público e Judiciário pretendem continuar a ser. Confiram abaixo mais uma das lengas-lengas do ungido:
"Passamos o dia trabalhando duro para concluir duas denúncias e fechar um grande acordo de leniência. Agora, de noite, percebo que alguns senadores passaram o dia trabalhando duro no Senado para derrubar tudo o que fazemos aqui. Congresso: nos deixem trabalhar. Sociedade, precisamos de Vocês.

Vamos por partes:

1º) Vocês passaram o dia trabalhando de graça? 
- Com certeza não. Muito pelo contrário, provavelmente recebendo mais do que estabelece a Constituição Federal, que eles juraram defender.

2º) Nas duas denúncias concluídas tem algum tucano graúdo envolvido?
- Aposto como não. Olhe lá se tiver um defunto (Sérgio 10 milhões Guerra/Psdb-PE) ou se muito um tucano miúdo.

3º) Quem está lhe proibindo de trabalhar?
Ninguém!

Resumindo:
A elite do MP e Judiciário quer continuar roubando (para mim, receber mais do que tem direito, é roubo), e abusando da autoridade.

S0M3NT3 Cl1C3R S3 0 4NÚNC10 T3 1NT3R3SS4R S0M3NT3 Cl1C3R S3 0 4NÚNC10 T3 1NT3R3SS4R

***