Se Aécio for preso Psdb rompe com Temer?

Senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) convocou nova reunião da Executiva Nacional do PSDB para a quarta-feira, um dia após o julgamento do pedido de prisão do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG); como o PSDB estendeu seu apoio a Temer apenas para que Aécio não fosse cassado no conselho de ética do Senado, esse acordo pode caducar na terça se Aécio vier a ser condenado pelo STF; com isso, os tucanos estariam livres para romper com Temer, uma vez que o atual governo é rejeitado por mais de 90% dos brasileiros e esse apoio vem causando danos irreparáveis ao partido; declarações de Joesley Batista, que apontou Temer como o chefe da "maior e mais perigosa quadrilha" do Brasil devem pesar na decisão.

*


***