Laís Gouveia - para moro com carinho

Oi Moro, tudo bem juiz de primeira instância? Quero fazer um breve relato:
Quando eu tinha uns 15 anos, fui em um comício do Lula por minha conta própria. Chegando lá, eu vi aquele barbudo, que dizia "acreditem, eu vou mudar o país" e eu acreditei. Então, ele foi eleito presidente. De repente, as coisas lá em casa começaram a melhorar, meus pais diziam que muito era devido ao Lula. Então, minhas amigas da periferia entraram no universidade através do ProUni, eu mesma passei na UFF pelo Reuni. Nossa, e o quando o Brasil saiu do mapa da miséria através do Bolsa Família, você se lembra?
O Brasil do fracasso virou o Brasil do futuro. Gente comprando carro, casa própria, filho indo estudar na Europa. Empregada doméstica no avião indo visitar sua família no nordeste. Dava um orgulho danado dizer que éramos brasileiros, ainda mais depois do Pré sal, que coisa linda! Depois veio a copa do mundo e o Obama dizendo que Lula era "o cara".
Isso incomodou muita gente né? Fico imaginando sua alegria quando a CIA te ligou dizendo que tinha uma tarefa para você, prender o Lula. De juiz anônimo do Paraná, você virou o Moro do mundo, que combate o mau e tira selfies com Aécio. Queria lhe dizer que você pode enganar muita gente bem intencionada, mas só quem passou fome ou mudou sua vida por causa do Lula, sabe da importância desse nordestino arretado. Lula lidera as pesquisas à presidência, isso você não pode mudar.
Ah. Moro, lá na frente, você ficará registrado nos anais da história como o juiz de nada que serviu para golpear o Brasil e entrega-lo aos EUA, um estrume.
Já o Lula.... aguarde!
Beijos.

***