Cunha ameaça e Moro defende Temer

Melhor:
Quando um corrupto age o outro reage.
Foi só Eduardo Cunha envolver Michel Temer como sua testemunha de defesa e o Chefão da quadrilha de Curitiba (Sérgio Moro), saiu em defesa do Traíra e indeferiu 21 das perguntas com a desculpa que:
"(...) o teor das perguntas feitas pela defesa de Eduardo Cunha é inapropriado e ainda que a 13ª Vara Federal de Curitiba não tem competência para a realização, direta ou indiretamente, de investigações em relação ao Exmo. Sr. Presidente da República"*
1º) O teor das perguntas feitas serem apropriadas ou não, quem sabe é a defesa 
2º) Em nenhum momento a defesa de Eduardo Cunha pediu direto ou indiretamente que a 13ª Vara de Federal de Curitiba investigue o usurpador que por enquanto exerce a presidência da república

Sendo assim fica mais claro que o sol a pino no céu azul sem nuvens do sertão nordestino, que o togado mais uma vez age para defender o golpe

Imundo!
Postar um comentário

***