Sérgio Machado prova que "crime da Dilma" foi não obstruir a Justiça



Sérgio Machado (Pmdb-CE), ex-presidente da Transpetro, responsável pelas gravações com José Sarney, Romero Jucé e Renan Calheiros, prova de forma cabal qual o verdadeiro motivo dela ser alvo de do golpe. "Tá todo mundo se cagando presidente. O erro dela foi deixar essa coisa andar, afirmou, numa referência à Lava Jato; áudios captados por Machado já derrubaram Jucá, que afirmou que era preciso trocar o governo, colocando Michel Temer no poder, para “parar essa porra” e “estancar essa sangria”

***