Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro 8, 2013

Novembro Azul

Depois de observar a campanha "Novembro Azul", ouvir conselhos de amigos e aporrinhação da família, resolvi ir fazer o exame de toque...
Peguei o livrinho do plano de saúde e comecei a procurar um Urologista e vejo:Dr.Kazuo Sakamoto - UrologistaBeleza... Médico asiático, dedo pequeno, vai ser esse mesmo!!!
Liguei para o consultório e agendei com a recepcionista para hoje a tarde.
Cheguei um pouquinho adiantado e fiquei na sala de espera lendo aquelas revistas de 2, 3 anos atrás e ouvindo uns muzaks (aquelas musiquinhas chatas pra cacete)...
De repente, ouço meu nome no alto falante, pensei, chegou a hora...
Quando adentro a sala do Urologista, encontro um médico de uns 2m de altura, moreno (negão mesmo!!!) e falo:
- Boa tarde... Eu tenho uma consulta com o Dr.Kazuo Sakamoto...
- Sim... Sou eu!!
- O senhor???
- Sim... Não estranhe... Sou filho adotivo!!!Hoje vou dormir de bruços...Ricardo Rocha

O mundo é dos espertos?

Se vocês prestarem atenção, irão rapidamente constatar que os desonestos, os oportunistas de qualquer área, costumam nivelar as pessoas por baixo. Frases muito usadas por eles: "Todo mundo faz isso".
"Político é tudo igual" (esta, às vezes, é dita por gente honesta, porém desinformada).
"É dessa forma que funciona".
"Isso é assim desde que o mundo é mundo". E, finalmente, para encerrar por hoje: "No lugar dele, você também não deixaria passar a oportunidade. O mundo é dos espertos".Neno Cavalcante

Para não haver terrorismo econômico/eleitoral ano que vem

Fácil resolver. O fim do ano está aí. Dilma poderia chamar o pessoal da mídia, os "correspondentes' em Brasília e antes um assessor anunciar "em off" - uma fonte do Governo , sabe - que ante a necessidade de se cortar os gastos para alcançar a meta fiscal, o Governo Federal, no ano de 2014, pretende usa mais os prununciamentos - que serão de 20 minutos diários em média - na hora da novela e do Jornal Nacional, e reduzirão a zero as verbas de publicidade do Governo Federal para "divulgar" as realizações e campanhas de Governos junto à mídia.Motivo: o corte de gatos está feito dentro do esforço para atingir a meta superavit fiscal.Pronto. Acabou o terrorismo econômico em 2014.LUCIANO GM

Haddad crítica o "monopólio da comunicação"

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), criticou o que ele chamou de "monopólio da comunicação no país" hoje (8), ao defender seu governo e, especialmente, o projeto de revisão da Planta Genérica de Valores, que reajusta o Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU).Segundo Haddad, graças a "desinformação" e"terrorismo" até pessoas que serão beneficiadas pela mudança na cobrança do imposto se sentiram injustiçadas – pelo projeto aprovado na Câmara, 33% ficarão isentos de pagar IPTU e 8% terão redução no tributo.Com as mudanças, os imóveis na região central terão os maiores reajustes médios, enquanto distritos na periferia terão aumento menor e redução do imposto. Aposentados que ganham até três salários mínimo, terão isenção total de IPTU.Diante de uma plateia que se autodenominou "aqueles que o elegeram", durante cerimônia de sanção da lei que amplia o Programa VAI – voltado à promoção cultural para jovens da periferia –, o prefeito disse …

Economia: nenhum fato, só boatos

Aí vem bem intencionado Luís Nassif  e escreve:O fato e o boato da economiaNa política econômica, muitas vezes a palavra é mais eficiente do que a caneta. Como o mercado se move por expectativas e há defasagens entre as medidas econômicas e seus resultados, é o discurso que mantém as expectativas coesas, antes que as mudanças apareçam.***O mercado financeiro desenvolveu mecanismos de operações futuras capazes de radicalizar qualquer movimento de expectativas - para cima ou para baixo. A esse quadro some-se o ativismo da mídia, radicalizando cada movimento negativo. Tudo isso aumenta a importância da interlocução competente com o mercado.***No primeiro semestre, grandes investidores brasileiros tiraram dinheiro do país com receio de hipotéticas crises futuras.1. O medo da chamada "tempestade perfeita": contas externas se deteriorando, a crise da China derrubando as commodities; o FED (Banco Central norte-americano) reduzindo os estímulos monetários e o capital financeiro não …

Vale o escrito?

Só no jogo do bicho Na selva da internet, seus textos circulam com outras assinaturas e escritos alheios, quase sempre toscos e constrangedores, são atribuídos a você. Agora um novo formato de fraude digital une a desonestidade à covardia: postam o seu texto original assinado, mas acrescentam por conta própria mais um parágrafo no final, distorcendo o seu sentido — e comprometendo o seu autor. No auge do mensalão, escrevi uma crônica sobre o caso de amor e ódio que mudou a História do Brasil, entre José Dirceu e Roberto Jefferson, fazendo um paralelo com Nina e Carminha de “Avenida Brasil”, em que o texto encaminhava o leitor à conclusão final: “Feitos um para o outro”. A crônica continua circulando até hoje, mas fraudada por uma anta que lhe acrescentou um novo final com frases grossas e ignorantes sobre Dirceu e Lula, que nem é citado no texto, e botou no ar, como se fosse minha. Vai dizer que não é? Ou é, mas até certo ponto? Que ponto? Tarde demais, o estrago já está feito. É uma sens…

Que tente tapar o sol com a peneira quem quiser tentar. Inútil.

Não é possível mais esconder as trombadas entre Eduardo Campos e Marina Silva e as consequências derivadas desse choque.
A relação entre os dois é um modelo novo de coligação entre um partido existente, o PSB, e um partido inexistente, a Rede Sustentabilidade. Por isso, Marina não é apenas ornamentação. Tem vez e voz.
A melhor imagem para explicara a aliança é a maternidade. O PSB seria a “barriga de aluguel”, onde está em gestação a Rede. A “barriga” de Marina, puxando votos, representa o ventre onde cresce a candidatura de Eduardo Campos.
As pesquisas de opinião pública dão indícios de que ela tem condições de transferir para Eduardo Campos parte de votos prometidos, até então, a ela. É possível considerar, pela última pesquisa Ibope, que os 6 pontos de crescimento (de 4% para 10%) do pré-candidato do PSB resultaram da retirada do nome dela da disputa. É, porém, mais um caso de suposição do que de ciências exatas.
Há sinais mais fortes que a transferência de votos. A presença de Marina …

Blindagem tucana virando pó

Aécio Neves forte em SP? Onde? Quando? Como? O eleitorado paulista e paulistano hoje é muito mais anti-psdb do que anti-pt. Isso já ficou evidente na eleição de 2012 quando o PT venceu em TODAS as principais cidades da região metropolitana, mais a capital. Aécio, Serra e Alckmin estão mortos politicamente. E  não há "grupos jornalísticos" que consigam reverter isso invocando um anti-petismo. A própria "rebelião" que está havendo no Ministério Publico paulista contra os engavetadores tucanos,  já é um indicativo que a blindagem ao PSDB está se desmanchando, tal a quantidade de roubalheiras bilionárias que escorrem por todos os propinodutos. A imprensa amiga, ainda de forma desesperada e atabalhoada, tenta confundir os mais incautos envolvendo nome de petistas nos escândalos tucanos. Não está funcionando. Eduardo Campos continuará inexpressivo. Talvez a Marina conseguisse atrair os votos de quem está cansado de PSDB e PT  em um primeiro momento. Mas com a falta de s…

Corra atrás dos seus sonhos

Se não der certo pelo menos você emagrece

Desconfie sempre que ouvir o termo "choque de gestão" sendo proferido por um político oposicionista

Na maior parte das vezes, trata-se de alguém que, na falta de resultados concretos para apresentar, é obrigado a usar invenções de marqueteiros para maquiar incompetências e falhas administrativas. É o caso dos choques de gestão tucanos, que, na verdade, só existem como ações de marketing. Na prática, é apenas uma expressão vazia, usada para maquiar a velha política, tão comum à nossa direita neoliberal, de redução dos investimentos públicos e de demissão de funcionários. O resultado foi catastrófico em todos os locais onde a tal prática foi aplicada, como no Rio Grande do Sul, no governo de Yeda Crusius, e em Minas Gerais, nos governos de Aécio Neves e do atual governador Antonio Anastasia. Sim, o choque de gestão do pré-candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, grande crítico da atuação do PT no governo federal, é um engodo. O jornal mineiro "Hoje em Dia" destacou, no último dia 4, que, em dez anos, o Estado de Minas Gerais contraiu dívidas de R$ 19 bilhões. Ou seja:…

Asas de frango é um perigo

Evite comer asas de frango com muita frequencia - as mulheres; 
Uma amiga minha recentemente teve um inchaço no útero e foi submetida a uma operação para remover o cisto. O cisto removido estava cheio de sangue de coloração escura. Ela pensou que ficaria curada após a cirurgia mas estava redondamente enganada.



Uma piora ocorreu poucos meses depois. Assustada, ela procurou seu ginecologista para uma consulta.
Durante a consulta, seu médico lhe fez uma pergunta que a deixou perplexa. Ele perguntou se ela era uma consumidora frequente de asas de frango e ela respondeu que sim, se perguntando como ele conhecia o seu hábito alimentar. Veja bem, a verdade está nessa era moderna; os frangos são injetados de estereoides para acelerar seu crescimento para que possam suprir a necessidade da demanda da sociedade. Esta necessidade nada mais é do que a necessidade de alimentação.

Os frangos que são injetados de estereoides são geralmente espetados no pescoço ou nas asas. Por essa razão, são nesses lugare…

Pesquisa CNT/MDA acende sinal amarelo para oposição

O que chama atenção é o crescimento na taxa de rejeição dos candidatos que afirmar serem a "mudança"

Aécio Neves (PSDB) tinha 36,8%, passou para 38,7%Eduardo Campos (PSB) tinha 33,5% passou para 37,3%Marina Silva (PSB) tinha 30,8% passou para 33,6%
Se o crescimento da taxa de rejeição do candidato do PSDB preocupa, pior ainda é para os candidatos do PSB.

Cresceu a presença deles na mídia amiga, piorou a imagem deles para o eleitores.

Nossa oposição tem como tema musical a cantiga da perua pió pió pió.

129ª aniversário de Hermann Rorschach

(Zurique, 8 de novembro de 1884 — Herisau, 2 de abril de 1922) foi um psiquiatra suíço. 
Rorschach ficou conhecido pelo seu trabalho sobre o significado psicológico de interpretações dadas a manchas de tinta. Desenvolveu para isso uma técnica que tomou seu nome, o teste de Rorschach. Sua principal obra é o livro Psychodiagnostik (Psicodiagnóstico), publicado pouco antes de sua morte, em 1921. Rorschach possuía uma incrível facilidade no aprendizado de línguas. Além de reunir a formação científica à cultura humanista, interessava-se por literatura e artes, porém formou-se em medicina. No ano de 1911, inicia seus estudos e pesquisas com manchas de tinta; contudo sua preocupação era mais ampla que o simples estudo da imaginação e fantasia, desejando obter um método de investigação da personalidade, situando a interpretação das manchas de tinta no campo da percepção e apercepção. Em 1914, faz especialização em psiquiatria na Universidade de Zurique. Influenciado pela Escola Psicanalítica, Ror…

Cute of the picture cats

Gato goleiro

Aécio Boladasso não decola

Uma semana após seu lançamento, a conta de Aécio Boladasso no Twitter já foi suspensa. No Facebook, conquistou apenas 3,7 mil curtidas.Por Najla Passos, na Carta MaiorMesmo com a publicidade escancarada - e quase antecipada - de O Globo, a nova estratégia do senador Aécio Neves (PSDB-MG) para ganhar as redes sociais decolou tanto quanto mostram as pesquisas eleitorais que a candidatura do tucano tem decolado na corrida presidencial de 2014. Uma semana após seu lançamento, a conta de Aecio Boladasso no twitter já foi suspensa. Nofacebook, conquistou apenas 3,7 mil curtidas. O número de interações também deixa a desejar: são menos de 3,5 mil pessoas falando sobre a página que já nasceu para ser manchete da imprensa. E muitas falando mal.Os motivos são vários. Manchete do jornal O Globo quando tinha apenas uma curtida, a estratégia já foi amplamente criticada por internautas que odeiam notícias fabricadas. Mas o que pesou profundamente foi a absoluta falta de originalidade: espécie de có…

Judiciário, corrupto e defensor dos mais ricos

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) negou nesta quinta-feira um pedido da prefeitura de São Paulo para anular a ação contra a lei que aumenta o Imposto sobre Propriedade Territorial Urbana (IPTU) da cidade. O juiz Emílio Migliano Neto, da 7ª Vara da Fazenda Pública, também rejeitou requerimento no qual o Executivo solicitava que a Justiça reconhecesse que não houve descumprimento de decisão judicial quando o prefeito Fernando Haddad (PT) sancionou a lei.Na terça-feira, antes da sanção, o juiz havia concedido liminar impedindo que o projeto fosse aprovado. Mesmo assim, Haddad sancionou a lei. A prefeitura argumentou que a sanção ocorreu "antes da veiculação de notícias a respeito da liminar concedida pelo juiz da 7ª Vara de Fazenda Pública", e informou que ainda não havia sido notificada oficialmente da decisão da Justiça. Na quarta-feira, o juiz estendeu à lei sancionada o mesmo entendimento que já tinha em relação ao projeto de lei, suspendendo seus efeitos.Hoje, apó…